Finanças: 6 dicas para sua empresa começar o ano de 2021 no azul

Com dezembro chegando, vem também a necessidade de planejar as suas finanças empresariais para começar bem o ano de 2021.

Um gestor consciente e responsável não deixa para organizar o planejamento financeiro em cima da hora! Portanto, se você quer se preparar antecipadamente, agora é a hora de avaliar gastos, estabelecer metas e implementar mudanças.

Não sabe por onde começar? Tudo bem! Pensando em te ajudar na reta final de 2020, elaboramos 6 dicas de finanças para você manter a sua empresa no azul logo no início do ano! Acompanhe.

 

1 – Identifique todas as dívidas da empresa

Nós sabemos que 2020 foi um ano conturbado e que muitas empresas precisaram contrair dívidas para manter o funcionamento. Portanto, este é o momento ideal para levantar todas as dívidas e pendências e fazer um orçamento detalhado para 2021.

O ideal, neste caso, é estabelecer um orçamento que possibilite o pagamento das dívidas logo nos primeiros meses do ano. Isso possibilita reduzir os custos futuros e determinar uma projeção mais otimista, sem dívidas sugando todo o lucro da empresa.

2 – Estabeleça novas metas

Um planejamento sem metas é como um mapa sem roteiros. Após avaliar as suas projeções financeiras para o próximo ano, é essencial definir os objetivos e prioridades.

Por exemplo: sua meta é aumentar as vendas? Abrir uma filial? Expandir a empresa? Ter em mente exatamente onde você quer chegar vai te permitir criar metas certeiras, com ações e estratégias que guiarão os próximos passos.

Mas atenção a essa etapa, pois cada passo necessário deve contemplar o valor que você está disposto a investir e os prazos para alcançá-lo.

3 – Acompanhe o fluxo de caixa

Por mais óbvia que essa dica seja, é fundamental que ela esteja no seu planejamento das finanças empresariais. Acompanhar o fluxo de caixa é o passo mais importante para você estar ciente de todas as entradas e saídas.

Estabeleça datas fixas para revisar as movimentações do caixa e verificar o que precisa ser adequado para não prejudicar o seu orçamento. Com isso, é possível antecipar perdas, cortar custos e acompanhar constantemente o fluxo de vendas e de pagamentos do negócio.

4 – Faça previsões de diferentes cenários

O ano de 2020 veio para nos mostrar que é preciso estar preparado para lidar com os mais diferentes cenários financeiros.

É claro que não é possível prever todos os imprevistos, mas é importante imaginar os cenários mais otimistas e mais pessimistas, para que sua empresa esteja preparada para lidar com eles, sem ter de abrir mão de todas as metas.

Em todas estas previsões, certifique-se de que as finanças da empresa sejam comprometidas ao mínimo. Além disso, mantenha uma reserva emergencial para estar pronto para lidar com possíveis urgências.

5 – Desenvolva um plano de ação

Dívidas levantadas, metas definidas e cenários projetados? Então você está pronto para elaborar o plano de ação da sua empresa. Nele, liste todas as tarefas que precisam ser adotadas para manter as finanças no azul.

Neste plano, estipule metas de vendas mensais e descreva as ações que devem ser tomadas para alcançá-las. Desenhe cronogramas de execuções. Reveja processos. Implemente sistemas e tecnologias atualizadas, que otimizem as atividades internas. Cada elemento desses é fundamental para manter não apenas a gestão financeira, como também a empresarial, sempre segura e controlada.

6 – Respeite o seu orçamento anual

Ter um orçamento definido é crucial para assegurar que sua empresa siga por caminhos certeiros, obtendo lucros durante o ano.

Para fazer o seu orçamento, é preciso dividir minuciosamente as receitas, despesas, investimentos e todos os gastos fixos e variáveis que você tem conhecimento. Não se esqueça, também, de dividir tais custos por áreas da empresa, garantindo que nenhum fator passe batido.

Com essa simples ação, você não sobrecarrega a sua equipe, mantém as ações dentro da realidade e não sofre com surpresas financeiras.

Agora que você sabe quais estratégias adotar para começar o ano de 2021 no azul, que tal colocar as mãos à obra? Se tiver alguma dúvida, entre em contato conosco e descubra como podemos te ajudar.

E compartilhe este artigo com sua equipe para que todos entendam a importância de um planejamento financeiro anual! 

 

Com informações de: Flua e Fortes