Conheça os 6 erros contábeis mais cometidos pelas empresas e descubra como evitá-los

São diversas as obrigações que as empresas têm de cumprir diariamente, como as financeiras, as comerciais e, principalmente, as contábeis.

Quando se trata de planejamento contábil, é preciso muita atenção e estratégia para eliminar riscos que tragam prejuízo ao caixa ou resultem em multas ou penalidades fiscais.

Mesmo contando com a ajuda de uma empresa de contabilidade, muitas empresas podem cometer deslizes na gestão contábil.

Para evitar o surgimento de problemas problemas, listamos abaixo os 6 principais erros contábeis cometidos pelas organizações e como eliminá-los. Confira cada um deles:

1 – Não cuidar do calendário de pagamentos

Todo gestor deve cumprir com prazos, como o pagamento de parcelas, salários, tributos e impostos. Por isso, é preciso organização.

Se a sua empresa não possui um calendário de lançamentos, pode acabar enfrentando atrasos e negligências em pagamentos importantes e que podem até gerar multas e taxas.

Esse erro é corrigido facilmente com um calendário de prazos integrado a um sistema contábil. Nele, você deve inserir todos os prazos importantes e delegar a responsabilidade de cumpri-las a sua equipe, evitando que qualquer lançamento passe despercebido.

2 – Não fazer um planejamento tributário

O planejamento tributário é fundamental para a empresa se organizar no cumprimento das contribuições e reduzir a carga tributária.

Além disso, o planejamento adequado é capaz de identificar oportunidades que transformem as obrigações em benefícios para o negócio, como os incentivos fiscais.

No entanto, muitas empresas não fazem o planejamento e acabam sofrendo com um alto índice de taxas e não criam uma agenda tributária.

Por isso, é preciso contar com uma assessoria contábil para auxiliar no planejamento fiscal e assegurar que sua empresa siga todas as medidas legais perante o Fisco.

3 – Não manter os documentos contábeis organizados

A organização de notas fiscais e recibos é de extrema importância para a empresa, pois tudo o que é declarado na contabilidade deve ser comprovado documentalmente perante os órgãos de fiscalização.

Quando os dados declarados se diferem dos registrados, são os documentos que comprovam e contribuem na identificação de erros e equívocos.

É necessário que esses documentos sejam guardados por, no mínimo, cinco anos, de preferência em versão digital, para evitar duplicidades ou divergências nos dados.

Além disso, ter todos os registros é uma maneira de segura de validar os seus demonstrativos financeiros perante a Receita Federal, evitando multas e penalidades.

4 – Descuidar da emissão de notas fiscais

O descuido com as notas fiscais ocorre por dois motivos: pelo erro de cálculos ou digitações e pela perda destes documentos.

O erro de cálculo ou preenchimento ocorre, muitas vezes, pela falta de atenção na hora de emitir as notas fiscais. Isso pode ser evitado com a automatização de processos, como o uso de softwares e sistemas de gestão contábil.

Já a perda de documentos é um erro inconcebível e que pode resultar em vários problemas com a Receita Federal. Por isso, novamente, ressaltamos a importância de registrar as notas e recibos em plataformas digitais.

Ter uma boa prática quanto aos documentos é um cuidado fundamental para evitar multas ou até mesmo o pagamento de impostos indevidos.

5 – Misturar as finanças pessoais com empresariais

Esse é um do principais erros contábeis cometidos por empreendedores, que não dão a devida atenção à separação dos valores em função do acúmulo de tarefas organizacionais.

No entanto, manter os gastos misturadas pode levar sua empresa a enfrentar diversos problemas financeiros e até levar o negócio à falência.

Separe a gestão financeira da sua empresa das suas despesas pessoais para manter o controle do caixa e garantir o futuro do seu negócio.

6 – Pensar somente no curto prazo

No seu planejamento atual, você cuida somente das atividades do dia-a-dia da sua empresa ou já possui planos para o futuro?

É claro que todas as empresas querem crescer, mas é preciso muita atenção e estratégia a curto prazo para projetar os passos futuros.

E apesar de não parecer que este é um erro contábil, a identificação de riscos financeiros é primordial para reduzir falhar e adequar os seus processos para o crescimento do negócio.

Você deve conhecer sua saúde financeira para planejar fatores como a expansão do negócio, a contratação de equipes, a atualização de recursos e demais ações.

Os erros contábeis listados acima são de responsabilidade integral dos gestores, e que podem ser eliminados com a ajuda de um profissional da contabilidade.

Um profissional contábil, com conhecimentos civis e tributários, pode ser seu maior aliado na redução de erros que impactem o seu fluxo de caixa e na otimização do crescimento do seu negócio.

Tem alguma dúvida sobre como evitar esses e outros erros contábeis? Entre em contato com a Bonsenhor Contabilidade e descubra como podemos te ajudar!



Deixe uma resposta